Segundamente #1: Sinceridades, relacionamentos, explosões e um pingo de paciência.

Fala, pípous. Já falei que não sou muito organizado, mas vou estrear uma seção nova no blog e tentar mantê-la.

Segundamente. Lógico que tem a ver com a fatídica segunda-feira, mas ao contrário do que se pense, não será nada depressivo; na verdade, vou tentar dar um gás pra que vocês não repitam meu erro de começar a semana mais lento que ônibus lotado em estrada de terra num dia de chuva, e mais perdido que adolescente geração Z sem smartphone e sem qualquer acesso à internet.

Bem, vivo pensando inutilidades, mas quando penso em algo que não seja completamente estúpido, acabo esquecendo logo, antes de anotar e poder passar pra alguém ou antes que eu mesmo possa fazer disso algo útil em meu cotidiano. E isso acontece muito na segunda-feira. Talvez por efeito de comunhão, já que no domingo à noite me reúno com a igreja; talvez pela ilusão de que a semana nova vai ser melhor e então começo a planejar qualquer coisa boa; talvez porque sempre ponho uma música não-tranquila mesmo que o dia seja parado, é mais pra ver se eu desperto mesmo.

Por isso, vou tentar trazer pra cá as coisas legais que eu imaginar que sirvam pra algo na vida. Bora!

Segundamente #1: Sinceridades, relacionamentos, explosões e um pingo de paciência.

Vi outro dia no twitter: “Quando você é importante para alguém, aquela pessoa sempre vai ter um tempo para você. Sem desculpas, sem mentiras e sem promessas quebradas”.
Isso talvez explica muita coisa a respeito de prioridades com pessoas, amigos, irmãos, amantes (que no caso significa gente que a gente ama, como namorado, noivo, cônjuge, e não gente que a gente usa pra trair os outros), enfim, relacionamentos em geral.

[Esse tuíte pode até ter a ver com coisas, assuntos, atividades também, pois os concurseiros, por exemplo (se você, amigo leitor, não é um, certamente conhece um) não arranjam desculpas, não mentem para si nem se prometem alvos estúpidos, mas colocam seus estudos acima de tudo. Porém, o foco é sobre pessoas, então voltemos ao foco.]

Sabe qual é a dureza aqui? É quando, no caso de relacionamentos entre pessoas, vira um monólogo. Quero dizer, você tenta tirar um tempo pra outra pessoa, mas ela não tem tempo nem pra você fazer um bem pra ela, saca? Você até tenta mas se vê forever alone, porque a outra pessoa não corresponde, seja por não querer ou por não poder mesmo. Daí até manda um whatsapp ou um sms lembrando que você existe e se importa com ele/ela, quer marcar algo, tenta puxar uma conversa, tudo em vão. Recebe resposta azeda, seca, ou até não recebe nada.

É chato? É.
O que se faz? Paciência, né. Se água mole em pedra dura tanto bate até que fura, água mole em saco vazio enche o saco e eventualmente explode o saco, e o saco furado quer dizer que seu relacionamento foi pro saco…
ou foi por água abaixo…
enfim, trocadilhos à parte, não dá pra ficar insistindo muito. Deixa pra lá, e vida que segue. Atualmente somos 7 bilhões de humanos no planeta, você pode gostar e querer se importar, mas não ultrapasse o limite do estresse por causa de um deles apenas.

Pra concluir, façamos um contraponto: pare pra ver o seu tempo e analise se de repente alguém quer estar próximo de você, bem-intencionado, de braços abertos, mas você não abre a porta. Não gere estresse pro outro. Não seja o saco vazio. Abra a porta e deixe-o entrar, ou então deixe bem claro de uma vez por todas porque não quer deixá-lo entrar. Ou, como eu falei da possibilidade da pessoa não poder corresponder, seja um indivíduo gentil e minimamente sociável e explique o porquê do seu silêncio antes que o outro se desespere, ou então fuja e te deixe a ver navios quando de repente você precisar dele por qualquer coisa — até pra compartilhar besteira.

Mas não precisa explodir, tá? Sinceridade polida é tudo.
Aproveite a canção aqui embaixo.
Um abraço.

Anúncios
Segundamente #1: Sinceridades, relacionamentos, explosões e um pingo de paciência.

Comenta aí, ó! :D

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s